Reação alérgica a mosquito

Reação alérgica a mosquito

Os mosquitos são insetos sugadores (hematófagos), sendo os mais comuns os pernilongos ou muriçocas. A alergia à picada dos mosquitos é conhecida com o nome de “Estrófulo”, sendo frequente no verão e mais comum nas crianças.

A alergia se manifesta com lesões no local da picada do inseto: a pele fica avermelhada e inflamada.  As feridas coçam bastante, podendo surgir bolhas com saída de secreção. Em alguns casos, essas feridas podem piorar e infeccionar, podendo evoluir para impetigo. Uma única picada pode levar a várias lesões.

Na maioria dos casos, a evolução é benigna, melhorando com a idade. Mas, em algumas pessoas, podem persistir manchas ou cicatrizes na pele, causando desconforto e problemas sociais.

As lesões são mais comuns nas áreas expostas do corpo: braços e pernas, tronco. Este tipo de alergia tende a desaparecer no adulto.

 

O TRATAMENTO INCLUI:

.Medidas de proteção:  telas em janelas, dedetização, uso de repelentes.

.Medicamentos para alívio e tratamento dos sintomas alérgicos.

. Imunoterapia ou vacina para alergia: induz a criação de anticorpos capazes de bloquear a reação e controlando a alergia.

 

COMO PREVENIR:

.Evitar locais onde haja maior frequência de insetos picadores (campos, porões, proximidade de lixeiras, etc.)

.Evitar depósitos de água parada.

.Evitar acumulo de lixo

.Fechar as janelas no final da tarde. Usar telas nas janelas e portas.

.Usar repelentes quando estiver em locais que predisponham à mosquitos.

.Evitar uso de perfumes, loções ou óleos perfumados.

.Evitar roupas com cores vivas e brilhantes.

 

 

Fonte- Blog da Alergia


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *